terça-feira, 13 de janeiro de 2009

Stress!!

Peço desculpa pela GRANDE ausência! embora não tenha muitos visitantes, eu sei que é má educação ausentar e não dizer nada!
Pois bem, espero que o Natal e essas férias tenham sido boas, e que tenham tido uma passagem de ano de arromba! (tal como a minha!) xD

Eu ainda estou de férias, não tenho aulas em janeiro nem em nas 2 primeiras de fevereiro! é bom não é? =D......NÃO!!!

Tenho trabalho horriveis para entregar, dos quais dependem as notas das disciplinas, e são todos uns em cima dos outros, e se não passar, não posso mudar para psicologia! sim porque este curso é H-O-R-R-I-V-E-L!!! não posso com isto mais!!

Ando stressada! e como consequência: não como, tenho dores de cabeça, apetece-me matar alguém, irrito-me com tudo, chateio a minha mãe, zango-me com o meu namorado, os trabalhos, não saem bem, e ponho-me aos gritos no meio da sala porque não sei por rodapé na capa do trabalho!
Este curso é um martírio, quer dizer a faculdade é um martírio....quer dizer, talvez seja mesmo só o curso....ou não.... =S
Eu tinha tido a ideia de parar durante um ano, trabalhar, tirar a carta, passar mais tempo como o meu namorado...Em vez disso cedi ao sonho da minha família: entrar para a faculdade com 17 anos (o que para eles parece ser um feito maravilhoso!), o curso não importava, até podia ser o curso de limpeza de escadas...o que importa é poder dizer á amiga ou á senhora cusca do café: "ahh a minha filha/sobrinha anda na universidade, e entrou com 17 anos!!!"..."então e ela gosta?" (pergunta á vizinha)...."gosta? não sei e isso não interessa, não é para comer, tem é que lá andar!" (diz a mãe/pai ou os tios)...isto porquê?....ora pois porque eu sou a unica numa família tão numerosa de primos a entrar para a universidade! Devem pensar que a salvação do convento cabe a mim.

Não é que eu não queira andar na universidade, eu quero...mas ainda não estou preparada para tanta responsabilidade. Sei também que muita gente queria entrar e não conseguiu ou não tem dinheiro para tal...Eu só queria ter um ano, em que podesse escolher as minhas decisões, sem pressa, poder ter uma espécie de controlo sobre mim, não ter que andar a ler montes de livros de pessas que nunca ouvi falar, sobre sei lá o quê, poder ir para casa depois de ter estado a trabalhar e não ter que me preocupar em passar a limpo apontamentos e ler nao sei quantos capítulos! =/

Bem...
Deixo-vos aqui um pequeno desabafo, um devaneio vá, um bichinho e não queria que me calasse, que de alguma forma me dizia que isto tinha que sair, mesmo que ninguém o leia. Talvez digam que não tenho razões para pensar assim, que não tenho razões por andar stressada.
Mas pensem, como se sentem quando estão apenas a cumprir os objectivos dos outros e nunca os vossos? Se não estão frustrados, tenho pena, quer dizer que não têm sonhos próprios!

Disposição: stressarada!


XoXo


P.S.:

1- Caso conheçam alguém que precisa de explicações de inglês, digam! x)
2- Se gostam subscrevam! ^^
3- Respondam ao "questionário" á direita, é só uma pergunta, não custa nada! =)

2 comentários:

Prisioneira de Sonhos disse...

"Devem pensar que a salvação do convento cabe a mim." acho que este feeling (infelizmente) não é só teu. É stressante a nossa vida , de repente, sem que ninguém pessa autorização seja meta do sonho de outros. Tens direito de stressar... o sindrome que a vida dos outros é pior não suaviza ninguém (pode as vezes ajudar lololol mas não resolve)...

AINDA BEM QUE VOLTAS-TE!!!

* missed :)

Intermitências de Ecos disse...

Ah, estás de volta! Que bom! :)

Bem, se te serve de consolo, acredita que não és a única a entrar em stress... O meu é um pouco diferente... 'Tás a ver aquele stress pelo tédio?! Pois, é desse stress que sofro.

Mas libertemo-nos, que estes cantos aliviam!

*****