terça-feira, 21 de outubro de 2008

Borgas académicas e as suas razões


Ultimamente com este stress todo da escola, tenho vindo a perceber porque é que as festas e as borgas são tão importantes, aquilo é de bater tanto com a cabeça nas paredes que se não se se embebedar a pessoa á em doida, ou em cortar os pulsos...


Não há tempo para se respirar e percebo que a festa, a curte, o copo e a foda ocasional (ou não tão ocasional) , são as maneiras que os estudantes académicos arranjam para se libertarem...

Embora não goste de beber, não porque ache errado, mas simplesmente porque não gosto mesmo do sabor das bebidas (não dispenso os meus licores e os smirnoffs ocasionais) e não saia muito porque os CONSERVADOREEEEES dos meus pais não permitam com muita (ou melhor minima) frequência, entendo-os muito bem, ainda agora estou no inicio e já só me apetece sair a gritar por aí "salve-se quem puder!"...


Sim, meus colegas, bebam, fodam, vão a festas, que a vida académica é curta e a mental também se não se divertirem de qualquer maneira!

Eu percebo-vos!


Bem por cá me deixo ficar, olhando pela janela verde, de vidros transparentes o horizonte a preto e branco o reflexo de tudo o que é real, de tudo o que é a vida...


Disposição: melancolicarada!

4 comentários:

Intermitências de Ecos disse...

Gosto da maneira como te expressas, sem tabus e/ou preconceitos! Ou melhor, gosto da tua sinceridade, diga-se! :)

Ah! Boa sorte! Ahaha! :D

*

Intermitências de Ecos disse...

Talvez por a diferença de idades ser mínima, temos pontos de vista semelhantes... Já para não dizer que partilhamos do mesmo mal: os pais conservadores! eheh...
Estou a identificar-me muito e aos poucos! Aliás, neste tipo de comunicação [virtual..], tentamos sempre encontrar nos outros um pouco de nós, pois é sempre mais fácil sermos nós [sem tabus], num todo, para quem não conhecemos. Pelo menos, não corremos o risco de sermos julgados, questionados...
Se bem que isso vai com a personalidade de cada um, mas é como me sinto! :)

Ah! Muito obrigada! :)

**

Intermitências de Ecos disse...

Olha, tenho menos um ano que tu... 17 anos! Ando no 12º e para o ano, se tudo correr bem, sigo para o Ensino Superior :) Sou uma cachopa, eheh!

:) *

Intermitências de Ecos disse...

Olha, quem sabe! O amanhã é uma incógnita :)

:) *